Domingo, 25 Agosto 2019
previous arrow
next arrow
Slider

Defesa Civil de Barra do Piraí emite comunicado orientando população nesse período de chuvas

A prefeitura de Barra do Piraí, através de sua secretaria de Defesa Civil, emitiu um comunicado em seu site oficial colocando a cidade em estado de alerta em relação às chuvas que caem nessa época do ano. Cortada por dois rios e dentro de um vale, Barra do Piraí apresenta tais riscos em potencial, tanto aos ribeirinhos quanto aos que vivem debaixo de encostas, no diferentes morros da cidade. E, com a chegada da estação das chuvas, é preciso ficar mais do que de sobreaviso.

De acordo com um dos agentes da Secretaria de Defesa Civil, Márcio da Silva Santos, as ocorrências relacionadas a desastres naturais em maior número “são em virtude de deslizamentos de solo”, porque a cidade barrense atravessa um período com pouca pluviosidade, o nível dos rios não tem atingido volumes maiores que causem transtornos.

Márcio explica porque o verão, época em que é normal ter chuvas todos os dias, vem fugindo à regra em 2019. Segundo os institutos de meteorologia, o mês de janeiro foi marcado por um fenômeno climático que dificultava a entrada de massas frias e úmidas em quase toda a região Sudeste, “tornando os dias com temperaturas bastante elevadas e com pouca umidade”. Segundo os registros da Defesa Civil Municipal, com índices desde 2007, o mês de janeiro de 2019 foi o que registrou o maior número de dias sem chuvas.

O agente faz um alerta sobre construções irregulares e a necessidade de um acompanhamento profissional em caso de novas obras em locais, principalmente, que não possuem segurança. “Quaisquer obras a serem executadas devem sempre ser acompanhadas por um profissional habilitado, segundo estudos e projetos que garantam a segurança. Devem também sempre estar licenciadas nos devidos órgãos competentes. São medidas necessárias que todos devem ter para até mesmo evitar acidentes, expondo a própria vida e de sua família em risco”, pondera.

Além de monitorarem áreas irregulares ou construções em riscos, agora, com o avanço da tecnologia - sobretudo a da informação -, Márcio faz um alerta dando conta que também é preciso combater as chamadas “fake news”. Uma delas dá conta de que fevereiro poderia ser ainda mais quente que janeiro. O profissional frisa que as pessoas precisam ficar atentas aos órgãos competentes, que recebem a todo o instante, informações meteorológicas, sempre através de consultas a institutos de estudos voltados a esta área, como as do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC).

ATUALIZAÇÃO 09h34min - O nível do Rio Paraíba do Sul é considerado normal, mas está em monitoramento, segundo informações apuradas pela equipe de reportagem do Grupo RBP de Comunicação. O índice pluviométrico está na marca de 40 mm e, de acordo com a Defesa Civil de Barra do Piraí, fica o alerta para a possibilidade de deslizamentos e alagamentos.

 

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!