Quarta, 21 Novembro 2018
previous arrow
next arrow
Slider

Preso em Barra do Piraí pai de ex-marido da corretora Karina Garofalo assassinada no Rio

Hoje pela manhã (08), foi preso em Dorândia, distrito de Barra do Piraí, Pedro Paulo Barros Pereira, pai do pecuarista Pedro Paulo Barros Pereira Júnior, que é acusado de ser o mandante do assassinato da corretora Karina Garofalo, de Volta Redonda, morta a tiros no Rio de Janeiro. Ele é o quarto preso envolvido no homicídio.

O crime aconteceu no dia 15 de agosto, na Barra da Tijuca. A vítima foi executada na frente do filho, de 13 anos. Nascida na ‘Cidade do Aço’, Karina trabalhava e morava na capital.

De acordo com a polícia, Pedro Paulo Barros Pereira foi preso na fazenda dele, no distrito de Dorândia, em Barra do Piraí, por suspeita de participação do crime, e levado para a Delegacia de Homicídio da Barra da Tijuca, responsável pelo caso.

O filho dele, que era ex-marido de Karina, foi preso na sexta-feira (02) em Bananal (SP), cidade próxima a Barra Mansa (RJ). Ele permanece preso preventivamente em Benfica, no Rio. O homem que a polícia aponta como o autor dos disparos, Paulo Maurício Barros Pereira, se entregou seis dias após o crime. Ele é primo do ex-marido da vítima. Outro suspeito de envolvimento foi preso em Pinheiral no fim de agosto.

Ainda segundo a polícia, o crime foi praticado por vingança e ciúmes. Pedro Paulo Júnior tratava com Karina disputas judiciais envolvendo a divisão de bens e questões relacionadas à guarda do filho do casal.

Informações G1

Foto: Foco Regional

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!