Quarta, 24 Abril 2019
previous arrow
next arrow
Slider

O governador Wilson Witzel determinou a criação de um gabinete de crise por causa das fortes chuvas que atingiram o estado, principalmente a cidade do Rio de Janeiro. O governador acompanha as ações desde o início do temporal e colocou à disposição dos prefeitos toda a estrutura da administração estadual. Na tarde desta terça, Witzel se reuniu no Palácio Guanabara, com os secretários da Casa Civil e Governança, José Luís Zamith, de Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey, de Educação, Pedro Fernandes, de Saúde, Edmar Santos, de Polícia Militar, coronel Rogério Figueiredo, de Ambiente e Sustentabilidade, Ana Lúcia Santoro, de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais, Lucas Tristão, a primeira-dama e presidente do RioSolidario, Helena Witzel, o chefe de gabinete, Cleiton Rodrigues, além de representantes da Cedae e das secretarias de Polícia Civil e Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, para discutir medidas emergenciais para minimizar os impactos causados pelas chuvas. O governador se solidariza com as famílias das vítimas e afirma que o Estado vai prestar toda assistência a elas.

“Quero prestar minha solidariedade a todas as vítimas nesse momento tão difícil de perdas humanas. Estamos sensíveis a essa realidade e lamentamos muito que isso tenha acontecido. Vamos tomar todas as providências para ajudar o máximo possível e trabalhar 24 horas para isso”, ressaltou o governador. O Corpo de Bombeiros do Rio também está mobilizado no atendimento à população, desde o início das chuvas. Os militares estão empenhados em diversas ocorrências, como quedas de árvores e salvamentos provocados por inundações, desabamentos e deslizamentos. O trabalho continuará até o estágio de normalidade. A Secretaria de Defesa Civil está em alerta e segue monitoramento as condições meteorológicas e apoiando as ações municipais.

“O Corpo de Bombeiros registrou mais de 2 mil ocorrências nas últimas 24h em todo o estado, quando a média diária é de 1.200 ocorrências. Nossos militares atuam de forma incansável no atendimento à população, a fim de minimizar os danos causados pelas fortes chuvas. Seguiremos acompanhando e atendendo as necessidades da população. O atendimento é feito de acordo com a avaliação da gravidade do chamado”, destacou o secretário de Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, coronel Roberto Robadey. 

A Cedae está empenhada em ajudar a prefeitura do Rio a desobstruir os bueiros da cidade. Ao todo, 18 caminhões foram colocados à disposição da administração municipal para permitir o escoamento da água nas vias. O RioSolidario e a Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos estão recebendo doações para as vítimas das chuvas, como água, alimentos não perecíveis, roupas, colchonetes e materiais de limpeza. As doações podem ser entregues nos seguintes endereços:

RioSolidario - Travessa Euricles de Matos, 17, Laranjeiras.

Fundação para a Infância e Adolescência (FIA) - Rua Voluntários da Pátria, 120, Botafogo.

Operação Bomba Limpa interditou nesta segunda feira, 08, um posto de combustível no bairro do Cubango, em Niterói. Os agentes da Barreira Fiscal realizaram a ação com fiscais da ANP, do INMETRO e inspetores da DDSD e flagraram fraude em uma bomba de gasolina no Posto Ecológico Noronha Torrezão Ltda, onde era fornecido ao consumidor quantidade inferior à registrada na bomba - fraude conhecida por "Bomba Baixa". Foram desmontadas as bombas, realizado o recolhimento das placas, e lacrado o computador que possuía conexão com as bombas. O posto ficou interditado até que seja analisado o material recolhido para perícia.

A equipe de Comunicação da Associação Comercial e Empresarial de Barra do Piraí (Acebp) informa que neste sábado, 13, a rua Governador Portela ficará fechada para o trânsito de carros, devido à realização do Sábado de Compras. O tráfego será, conforme nota, desviado para as ruas Coronel Carlos Araújo (ao lado do Mercado Municipal), Capitão Mário Novaes (descida do Banco do Brasil), Oswaldo Milward (sentido Itapoã), Paulo de Frontin e praça Nilo Peçanha; entretanto, recomenda-se, se possível, que o consumidor evite vir com seu carro para o Centro da cidade. 

A equipe de reportagem do Grupo RBP de Comunicação entrou em contato nesta tarde (08) com a secretaria de Comunicação Social da Prefeitura de Barra do Piraí, após inúmeras reclamações de ouvintes em relação à cheia do Rio Paraíba do Sul, que preocupa os moradores das zonas ribeirinhas.

O secretário de Comunicação, Felippe Carotta, enviou uma nota da Defesa Civil de Barra do Piraí, informando que, quanto ao monitoramento da vazão do rio, houve um pico máximo, às 7h desta segunda-feira (08). A partir de então, está em gradativa redução. Não há, por ora, nenhum alerta crítico em relação à cheia.

A Defesa Civil segue em estágio de atenção e em monitoramento. Em caso de emergência ou mais informações, é só ligar gratuitamente para o número 199.

Foto: Felipe Castro

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!