Sábado, 16 Fevereiro 2019
previous arrow
next arrow
Slider

Ontem à tarde (30), um motociclista morreu após bater de frente com uma carreta, na altura do bairro Nove de Abril, na BR-393 (Rodovia Lúcio Meira), em Volta Redonda.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a vítima teria cruzado a pista, colidindo de frente com a carreta. O seu corpo foi lançado metros à frente, enquanto sua moto ficou presa embaixo do caminhão.

O corpo do homem, de identidade ainda não descoberta, foi levado para o Instituto Médico Legal para perícia. O trânsito chegou a ficar no sistema “siga e pare”, mas logo foi normalizado.

Foto: Divulgação PRF

O governador Wilson Witzel assinou nesta quarta-feira, 30/1, o termo de convocação de 81 oficiais de cartório para a Secretaria de Estado de Polícia Civil. Os agentes fazem parte de um grupo de 191 oficiais aprovados no concurso de 2014. Os outros 110 foram empossados recentemente pelo governador. Com a entrada desses agentes, Witzel cumpre com a promessa de contratar todos os concursados para a Polícia Civil.

"A Segurança Pública continua sendo uma das prioridades do nosso governo. Sabemos que uma Polícia Civil bem aparelhada e com capacidade de investigação poderá desmobilizar o crime organizado. Os resultados estão começando a aparecer. Além de mais policiais nas ruas, a Secretaria de Administração Penitenciária está fazendo diversas vistorias nas cadeias para apreender celulares e drogas", afirmou.

Durante a assinatura, o governador anunciou ainda que o Estado fará um novo concurso para contratação de mais mil policiais civis. Segundo o secretário de Polícia Civil, Marcus Vinícius, as vagas serão para os cargos de delegados, agentes e peritos. "O governador já autorizou, a comissão de concurso se reuniu ontem e já deu início ao estudo para a elaboração do edital", disse.

De acordo com o secretário da Casa Civil e Governança, José Luís Zamith, o estudo será submetido ao Conselho do Regime de Recuperação Fiscal para mostrar que não haverá desequilíbrio financeiro, já que há uma vacância de mil vagas na Polícia Civil. "Esse é o primeiro passo. Vamos fazer um estudo de viabilidade financeira e levar ao Conselho, para dar o passo seguinte", ressaltou.

Várias campanhas em todo o país têm mobilizado a população para ajudar as vítimas da tragédia de Brumadinho, na Grande Belo Horizonte. Mas, em entrevista coletiva realizada nesse domingo (27), a Defesa Civil de Minas Gerais disse que, no momento, as doações recolhidas já "são suficientes".

Mais de 100 pessoas estão desabrigadas com a tragédia. Elas foram levadas a hotéis e pousadas da região, e os custos são da mineradora Vale, responsável pela barragem que rompeu. A empresa diz que disponibilizou hospedagem e alimentação para cerca de 800 pessoas, incluindo parentes das vítimas.

Autoridades alertam para o risco de campanhas falsas pedindo doações em dinheiro. Segundo relatos, estelionatários têm se aproveitado da solidariedade da população para lucrar.

O Ministério Público de Minas divulgou um alerta de cuidado com sites falsos e disse que está recebendo denúncias pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Uma parceria da Prefeitura de Brumadinho e o programa Voluntariado Banco do Brasil recolheu doações em dinheiro na campanha "Ajude Brumadinho"

A Arquidiocese de Belo Horizonte também fez uma campanha, pela internet e na televisão, para recolhimento de donativos, a #JuntosPorBrumadinho.

Em Barra do Piraí, a Universidade Cruzeiro do Sul, localizada no bairro Santana, foi um ponto seguro de arrecadação, além da Diocese Barra do Piraí/Volta Redonda, que no último final de semana fez uma arrecadação maciça de donativos que foram enviados diretamente à Caritas Arquidiocesana de Belo Horizonte, que ficou responsável por repassar as doações para as famílias necessitadas.

No momento, não há mais a necessidade de doações. Caso o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil de Minas Gerais comuniquem sobre um possível retorno das doações, esses são pontos seguros para ajudar.

Foto: Divulgação

Ontem à tarde (28), um corpo foi encontrado por moradores em um rio, no bairro Rocinha, em Piraí. A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados para retirar o cadáver do local.

De acordo com os agentes, a vítima era um homem que aparentava ter 35 anos, mas ainda não teve sua identidade confirmada. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal de Três Poços, em Volta Redonda. O caso foi registrado na 94ª Delegacia de Polícia Civil de Piraí.

Foto: Reprodução

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!