Sábado, 25 Mai 2019
previous arrow
next arrow
Slider

O dia 02 de abril foi instituído pela Organização das Nações Unidas em 2008 como sendo o Dia Internacional de Conscientização do Autismo, causa simbolizada por um laço formado por peças de quebra-cabeça, que representam o fato de que a síndrome não se apresenta da mesma forma em todos aqueles que a tem (sendo nomeada, assim, devido a esta pluralidade de sinais também pela sigla TEA: Transtorno do Espectro Autista). Outra representação da causa é a cor azul.

Nesta data, é lembrada a caminhada que ainda existe para que sejam reconhecidos e inseridos os autistas na sociedade, buscando desmistificar a sentença de que o típico vive em um mundo à parte em relação aos neurotípicos (nomenclatura dada a quem não está inserido no espectro autista).

Conforme dados do Center of Diseases Control and Prevention (Centro de Controle e Prevenção de Doenças, ou, na sigla em inglês, CDC), atualmente há a estimativa de que, no mundo, para cada 110 pessoas, uma é autista; no Brasil, projeta-se que haja cerca de 2 milhões de autistas.

Autismo e Educação

A inserção do autista no sistema educacional é assegurada conforme o capítulo V da  Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que trata sobre a Educação Especial. O texto relata que a modalidade deve visar a efetiva integração do estudante à vida em sociedade, o que é assegurado também pela Constituição Federal, a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, Estatuto da Criança e do Adolescente e o Plano Viver sem Limites (Decreto 7.612/11).

Estima-se, se acordo com a chefe da Divisão de Educação Especial da secretaria municipal de Educação, de Barra do Piraí, Carla Miccichelli, que o município tenha 66 alunos que dentro do Transtorno do Espectro Autista, nos mais diversos graus de escolaridade.

Ela grifa que o município dispõe de recursos e parcerias visando a inclusão do típico no ambiente escolar. “A  rede oferta o atendimento educacional especializado, com salas de recursos, bem como profissionais de apoio à inclusão nas unidades. Já quanto aos professores, há parceiras com Casa de Brincar, com formação continuada para os educadores; elo que se firmou há três anos”, descreve. Carla relata também que, constantemente, são feitas palestras sobre o tema.

“As parcerias são relevantes para toda a comunidade de Barra do Piraí, na conscientização em prol do Autismo. Não somente na Rede Municipal, mas as demais, vêm tendo um número expressivo de alunos com o transtorno, e a população se conscientizando com relação ao tema se faz extremamente importante”, completa.

A secretaria municipal de Saúde informou através das redes sociais que amanhã (16) será o “Dia D” de combate ao mosquito Aedes Aegypti em Barra do Piraí. A campanha “Vamos tirar o mosquito de dentro de nosso quintal” tem como objetivo a prevenção da Dengue, Chikungunya e Zika.

Será realizada na Praça Nilo Peçanha, Centro, e no distrito da Califórnia, uma grande ação de conscientização, educação e promoção da saúde. Até o momento, segundo dados da própria secretaria de Saúde, Barra do Piraí teve 14 notificações de casos suspeitos de Dengue e cinco de Chikungunya em 2019.

A ação é organizada e promovida pela secretaria municipal de Saúde, através do setor de Vigilância em Saúde, de Barra do Piraí.

Foto: Reprodução

Ouvintes da Rádio Barra do Piraí AM fizeram reclamações para o nosso whatsapp (24) 99284-6244, em relação à marcação de consultas no site da prefeitura de Barra do Piraí, especificamente no acesso à área da saúde da mulher, onde, segundo os relatos, a dificuldade é maior.

Nossa equipe de reportagem fez contato com a coordenadora da Saúde da Mulher de Barra do Piraí, Monique Milward, que fez questão de esclarecer a todas as dúvidas passadas pelos ouvintes. Segundo informações da coordenadora, para agendar consultas, basta acessar o espaço da Saúde da Mulher no site da prefeitura (barradopirai.rj.gov.br) entre segunda e quinta-feira, a partir das 8h. O agendamento funciona até esgotarem as vagas diárias, retornando apenas no dia seguinte.

De acordo com Monique, em média, são marcadas 160 consultas com os ginecologistas disponíveis através do site, ou por telefone no número 2443-1737, apenas às quintas-feiras, a partir das 12h, dando prioridade às senhoras que não possuem acesso à internet.

Passo a passo: aprenda a agendar através do site 

Através dos ‘prints’ abaixo, Monique Milward nos mostrou como é simples todo o processo de agendamento através do site.

Segundo a coordenadora, primeira é preciso abrir o site da prefeitura e clicar no ‘link’ rosa, que dará acesso à área da Saúde da Mulher, onde serão requisitados alguns dados para cadastro. Após colocar todos esses dados, são necessários observar na ‘Data de Consulta’ se há médicos disponíveis no dia e selecionar o de sua preferência. Se essa barra estiver vazia, infelizmente as vagas do dia já foram ocupadas, só podendo retornar para o agendamento no dia seguinte.

01

02

03

04

Imagens: Reprodução Site PMBP

 

A ouvinte Sandra, moradora do bairro Coimbra, em Barra do Piraí, mandou uma reclamação através do whatsapp da Rádio Barra do Piraí AM (24) 99284-6244, em relação ao processo de encaminhamento de exames pela secretaria de Saúde de Barra do Piraí.

Segundo a ouvinte, ela tinha agendado um exame nessa semana, às 13h, em uma clínica em Volta Redonda, porém a condução disponibilizada pela secretaria saiu muito cedo da cidade, por volta das 6h. Em todo esse tempo, ela não se alimentou e nem se hidratou, e no momento da realização do exame, percebeu que foi encaminhada para um ultrassom simples, quando na verdade precisava do exame com doppler.

Nossa equipe de reportagem fez contato com o secretário de Saúde, Juberto Folena Júnior, que solicitou a presença da ouvinte na secretaria para apurar e responsabilizar os culpados pela, segundo ele, “falha de logística e atendimento”. O secretário prometeu cobrar os envolvidos e que, em sua gestão, não há tolerância para descasos com a população.

Atualização: 24/01/2019 - 9h45

O secretário de saúde de Barra do Piraí, Juberto Folena Júnior, nos enviou nessa manhã (24) algumas imagens (entre elas, um diagnóstico que não publicaremos por se tratar de um resultado particular de exame) que, segundo ele, prova que a senhora Sandra Maria de Paula Dias, ouvinte moradora do bairro Coimbra, em Barra do Piraí, fez a ultrassom com doppler solicitado por ela. A ouvinte fez uma reclamação na última terça-feira (22), uma reclamação através do whatsapp da Rádio Barra do Piraí AM (24) 99284-6244, afirmando ter feito uma ultrassom comum, sem doppler, como foi solicitado por ela, além da logística desgastante para a realização do exame, em Volta Redonda.

01

02

Imagens cedidas pelo secretário de saúde de Barra do Piraí, Juberto Folena Júnior

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!