Sexta, 10 Julho 2020
previous arrow
next arrow
Slider

O segundo estado mais populoso da Austrália, Victoria, informou nessa segunda-feira (29) que está considerando restabelecer medidas de distanciamento social depois que o país registrou o maior aumento diário de novas infecções por coronavírus em mais de dois meses. A informação é da Agência Brasil.

Impulsionada pelo estado de Victoria, com 75 casos, a Austrália registrou 85 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, seu maior aumento diário desde 11 de abril.

A Austrália se saiu melhor do que muitos países na pandemia do novo coronavírus, com cerca de 7.800 casos e 104 mortes, mas o recente aumento de casos alimentou o medo de uma segunda onda, após várias semanas de menos de 20 novos casos por dia.

À medida que novos casos de coronavírus aumentam, o governo de Victoria iniciou forte política de testes e o chefe de Saúde do estado disse que pode precisar reintroduzir as medidas de distanciamento social.

"Mudar a lei é algo que devemos considerar, porque precisamos fazer o que for necessário para reverter isso", disse Brett Sutton a repórteres em Melbourne, em resposta a questões sobre como impor paralisações localizadas.

Autoridades de Victoria implantaram na semana passada em ambulâncias centros de testes móveis, em uma tentativa de testar a maioria dos residentes em dez regiões que estão em situação complicada.

O estado do Rio de Janeiro promoverá nesta semana sua primeira campanha de doação de sangue para comemorar o Dia do Orgulho LGBTQIA+, celebrado ontem, e a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu restrições à doação de sangue por homens homossexuais. A informação é da Agência Brasil.

A campanha de doação será realizada nos bancos de sangue do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe), em Vila Isabel, na Santa Casa de Barra Mansa e no Hospital São João Batista de Volta Redonda. No Hupe, a campanha será realizada entre os dias 29 de junho a 3 de julho, e, para evitar aglomerações e atender às recomendações de segurança durante a pandemia, as doações precisarão ser pré-agendadas, respeitando o limite de 20 por dia. Em Volta Redonda, a campanha começará no dia 30 e vai até o dia 3, e, em Barra Mansa, as doações serão colhidas apenas no dia 29.

O subsecretário de Promoção, Defesa e Garantia dos Direitos Humanos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro, Thiago Miranda, destaca que é preciso seguir as orientações de segurança, como o uso de máscara e o distanciamento social. "Doar sangue e salvar vidas sempre foi um desejo de muitos, mas a barreira do preconceito sempre foi um obstáculo. Derrubamos essa barreira e vamos juntos promover essa campanha", comemora ele.

Recomendações

A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos avisa: é necessário que o doador leve o documento original com foto, esteja bem de saúde e tenha entre 16 e 69 anos. Já os menores de 18 anos devem levar autorização e documento do responsável. Além disso, o doador deve ter peso mínimo de 50 quilos, não estar em jejum, evitar alimentos gordurosos três horas antes e ter dormido pelo menos seis horas. O intervalo mínimo entre uma doação e outra é de dois a três meses. Para conhecer outras recomendações e impedimentos à doação de sangue, acesse o site do Ministério da Saúde.

Decisão do STF

A restrição à doação de sangue de homens que fazem sexo com homens impedia que gays e bissexuais doassem sangue caso sua última relação sexual tivesse sido a menos de 12 meses. A proibição incluía mesmo aqueles que declarassem ter usado preservativos e mantido relacionamento estável com um único parceiro.

A decisão que autorizou a doação foi tomada pela maioria dos ministros do supremo, em votação virtual concluída em 8 de maio. Os magistrados atenderam à ação direta de inconstitucionalidade ajuizada pelo PSB, declarando inconstitucionais as restrições à doação a homens que fazem sexo com homens que constavam na Portaria 158/2016 do Ministério da Saúde e na Resolução RDC 34/2014 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os ministros Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia, Rosa Weber, Gilmar Mendes, Luiz Fux e Dias Toffoli formaram a maioria a favor da ação.

O relator, ministro Edson Fachin, considerou que a garantia da segurança dos bancos de sangue deve ser buscada com requisitos baseados em condutas de risco e não na orientação sexual dos doadores, o que classificou como "discriminação injustificável e inconstitucional".

Pequim intensificou a realização de testes do novo coronavírus e já aplicou em cerca de um terço da população da capital até agora, disse uma autoridade municipal nesse domingo (28), enquanto os governos tentam controlar um surto decorrente do mercado atacadista em meados de junho. A informação é da Agência Brasil.

Até o meio-dia desse domingo (28), Pequim já havia coletado 8,29 milhões de amostras de pacientes e completado 7,69 milhões de testes, disse Zhang Qiang, funcionário do Comitê Municipal de Pequim, em entrevista coletiva.

"Isso significa que já testamos todas as pessoas que precisam ser testadas. Também estamos implementando triagens em larga escala para certas regiões e populações-chave da cidade e melhoramos nossa capacidade de testagem", disse Zhang, acrescentando que Pequim está recebendo apoio médico de outras províncias.

A capital chinesa registrou seu primeiro caso do surto no mercado de Xinfadi e 311 pessoas na cidade, de mais de 20 milhões de habitantes, testaram positivo para o vírus desde então.

Segundo Zhang, os testes estão sendo realizados em lotes e incluem trabalhadores do mercado de Xinfadi e moradores dos bairros vizinhos. Estudantes, equipe médica da linha de frente e trabalhadores das indústrias de transporte, bancos, supermercados, entregas expressas e salões de beleza também serão testados.

Zhang acrescentou que a capacidade diária de testes de Pequim aumentou para 458 mil por dia.

O governador do Texas, Greg Abbott, disse nessa quinta-feira (25) que está suspendendo temporariamente a reabertura gradual do estado norte-americano devido a um salto recente de infecções e de hospitalizações decorrentes da covid-19. A informação é da Agência Brasil.

"Essa pausa temporária ajudará nosso estado a conter a disseminação até podermos entrar com segurança na próxima fase de reabertura dos negócios", disse Abbott em comunicado.

O Texas, segundo maior estado dos Estados Unidos em população, teve um dos piores surtos nacionais do novo coronavírus, registrando mais de 5 mil novos casos por três dias seguidos e batendo recordes sucessivos de hospitalizações de covid-19 durante 13 dias consecutivos.

A proporção de texanos diagnosticados com o vírus aumentou para 10%, o que o torna um dos poucos estados do país com uma taxa de diagnóstico positivo de dois dígitos.

Abbott disse que os negócios que receberam permissão para abrir, nos termos das fases anteriores, podem continuar funcionando com os níveis de ocupação designados e de acordo com os protocolos de padrões mínimos de saúde estabelecidos previamente.

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!