Quarta, 20 Novembro 2019
previous arrow
next arrow
Slider

O percussionista barrense William Moraes, o Will, 23, foi convidado a participar da turnê da cantora Maria Gadú no último mês no estado do Rio de Janeiro. Morador do bairro Muqueca, o jovem chamou a atenção durante sua participação, em especial durante os solos. O desempenho do músico repercutiu como oportunidade e até mesmo em solicitações de amizade em redes sociais.

"Foi uma experiência maravilhosa participar de uma turnê de uma cantora renomada, que além de musicista, tem uma ótima personalidade", comenta Will. Ele frisa que a participação foi de grande aprendizado para sua trajetória. "O que eu aprendi nesta turnê não foi somente a tocar com ela, mas algo que vou levar por toda minha vida que se a gente não for humilde, não vamos chegar a lugar nenhum e a Maria me mostrou o quão bem faz isso, não menosprezando ninguém", pondera.

Um dos momentos de maior destaque na participação de William na turnê foi quando assimilou o som de uma cuíca durante a apresentação em Campos dos Goytacazes e foi homenageado. O fato ocorreu justamente no dia do percussionista, 16 de outubro, e rendeu dezenas de elogios.

"O que mais me deixou surpreso foi o número de elogios e os convites de amizade nas mídias sociais. Agora é trabalhar e pedir a bênção de Deus para conquistar cada vez mais coisas", finaliza. O jovem já se apresentou em premiações de renome nacional, como a dos "Melhores Atores Globo" e de programas na rede Record e SBT.

Os testes serão realizados nesta terça-feira (12), no Barra Tênis Clube. Candidatos devem levar documento de identidade (Foto: Divulgação)

Uma produção está programada para Barra do Piraí e busca figurantes para testes que serão realizados nesta terça-feira (12), no Barra Tênis Clube. Conversamos com integrantes da produtora que preferiu não revelar detalhes sobre o projeto, uma ação em parceria com o Polo Audiovisual de Barra do Piraí.

A seleção será realizada a partir das 14h30, no BTC, com a supervisão de Roberto Monzo, do Polo. Os candidatos devem levar documento de identidade e se encaixar nos requisitos para os papéis detalhados abaixo.

- 30 Escravos homens e mulheres que ficam nas senzalas (19 homens e 11 mulheres)

- 05 Jagunços

- 15 Coronéis – Homens brancos com barba grande, perfil: nobres

- Padre 2 coroinhas meninos brancos – 18 anos, maior que passe por menor

- 12 Convidados de um casamento (Homens brancos e mulheres brancas – perfil: nobres)

Rodas de conversa e oficinas serão oferecidas em dois dias, na Escola Paulo Fernandes, no bairro, com organização do CRAS (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Assistência Social, através do Centro de Referência da Assistência Social - CRAS Areal, organiza para este mês dois eventos em celebração ao Dia da Consciência Negra.

Na quadra da Escola Estadual Senador Paulo Fernandes, o ‘Novembro das Pretas – Mulheres que sonham’ terá seu início nesta terça-feira (12), às 14h, com uma roda de conversa, com a presença da psicóloga Raisla Monique (UFF) e o tema ‘A construção da identidade através da estética da mulher negra’. Logo após, previamente marcado para as 16h, uma oficina de turbantes será oferecida aos participantes.

No dia 29, no mesmo local, também às 14h, Ane Jefferson, especialista em RH, ensinará como identificar oportunidades dentro da comunidade e como empreender. Posteriormente, mais uma roda de conversa com o objetivo de compartilhar histórias finalizará a ação social.

Os eventos são gratuitos, aberto para todos. O Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro em todo o território nacional. A data faz referência ao dia da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo de Palmares, que lutou para preservar o modo de vida dos africanos escravizados que conseguiam fugir da escravidão.

08novpreta

Obras da pintora barrense J. Sousa ficará em exposição até o dia 29 de novembro, diariamente das 8 às 14 horas. A Biblioteca Municipal fica localizada na rua Dr. Luís Barbosa, nº 200, no bairro Matadouro (Foto: Divulgação PMBP)

A Secretaria de Turismo, Cultura e Lazer, da Prefeitura de Barra do Piraí lançou um projeto de exposição de quadros da pintora barrense, Jessica Sousa – que prefere ser reconhecida como J. Sousa – na Biblioteca Pública Municipal Rosemar Pimentel. A ideia da mostra surgiu esse ano, em uma conversa entre a artista e a bibliotecária Lucimar Teodóro de Lima Santos, em usar o espaço da biblioteca para a divulgação dos quadros.

A pintora J. Sousa, aos 15 meses de vida, foi diagnosticada com uma doença chamada Encefalite, que prejudicou sua coordenação motora. Jessica cresceu com acompanhamento médico e, ao terminar o Ensino Médio, por meio de sua tia, começou a se interessar pela pintura em quadros.

Entrou para o Ateliê Cátia Arte e começou a desenvolver, na pintura, atividades que auxiliou no desenvolvimento de sua coordenação motora e autoestima. “Já pintei mais de 50 quadros, dos quais alguns foram vendidos, e, outros, presenteei amigos e familiares”, declara a pintora.

Além de exibir o trabalho de J. Sousa, a exposição tem como objetivo comemorar o Dia Nacional da Cultura, oficialmente no dia 5 de novembro.  Os quadros relatam vários temas, alguns são de autovalor sentimental da artista e outros retratam pintores famosos, como Romero Britto.

“Ano que vem pretendemos fazer algo diferenciado e queremos levar a exposição para outros locais do município, porque precisamos levar cultura para espaços que não possuem acesso. E mostrar que todos, assim como ela, são capazes de trabalhar com a arte, cultura, escrita, que, consequentemente, se une com a autoestima e valorização, que tem grande importância”, informa a bibliotecária.

A exposição dos quadros de J. Sousa será temporária: teve início no dia 07 a termina no dia 29 de novembro, diariamente das 8 às 14 horas. A Biblioteca Municipal fica localizada na rua Dr. Luís Barbosa, nº 200, no bairro Matadouro.

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!