Sábado, 20 Julho 2019
previous arrow
next arrow
Slider

No último final de semana, a Guarda Municipal de Barra do Piraí realizou uma operação com o intuito de apreender linhas de pipa com cerol. Segundo o comandante Enoch Mello, o objetivo é a prevenção de acidentes em uma época onde muitos jovens costumam soltar pipas, por conta do clima seco e ventos moderados, propício para a prática.

A operação foi realizada em diversos bairros e distritos, e prosseguirá durante as férias escolares. Todos os jovens que tiveram o material apreendido foram orientados sobre os riscos de acidentes.

Vale ressaltar: O uso do cerol é proibido pela Lei 7189/86 e os responsáveis por acidentes relacionados ao ato serão responsabilizados. O número de acidentes por uso de cerol ou linha chilena para empinar pipas vem aumentando no estado. Na Rodovia Presidente Dutra, só em 2018 foram registradas 93 ocorrências. A atividade já causou a morte de diversos motociclistas.

Foto: Divulgação GMBP

A Polícia Militar desarticulou na noite dessa terça-feira (16) uma quadrilha especializada em jogos ilegais na região Sul Fluminense. Uma fábrica de máquinas caça-níqueis foi descoberta e fechada em Valença, na Rua Pina Leitão, nº 129, no Jardim Torres Homem.

Segundo os agentes que participaram da operação, foram apreendidas 101 carcaças de máquinas, diversos CPU’s e 155 placas mãe. A polícia recebeu denúncias sobre a existência de um laboratório para manutenção e fabricação deste tipo de máquinas. “Chegando ao local foi verificado o imóvel com o portão e uma das janelas abertas, sendo possível visualizar pela janela algumas máquinas e componentes eletrônicos”, disse um policial. O material foi periciado e levado para a delegacia de Valença.

Na tarde deste domingo (14), policiais militares prenderam em flagrante uma mulher com drogas escondida em sua calcinha, no bairro Areal, em Barra do Piraí.

Segundo informações preliminares divulgadas pelo 10º BPM, o caso foi registrado às 12h30, próximo a uma localidade conhecida como ‘Colômbia’, no bairro Areal. A mulher, sem identidade divulgada, teria sido abordada pelos agentes e, após revista, uma parte dos entorpecentes, sem especificação ou quantidade revelada pela polícia, foi encontrada. A outra parte foi apreendida na residência da suspeita, embaixo de sua cama, após ela confessar que guardara as drogas no local.

A mulher foi encaminhada para a 88ª Delegacia de Polícia Civil de Barra do Piraí, onde ficará a disposição da justiça.

Atualização 15h30 – 15 de julho de 2019 

A comunicação do 10º Batalhão de Polícia Militar divulgou os detalhes corretos sobre a prisão de Renata Ozori da Silva Barbosa, de 37 anos. Após denúncia anônima de que a suspeita estaria com farta quantidade de entorpecentes escondidos em sua residência, ela foi localizada em um bar. Em sua casa, na Rua Francisco Pegas, foram encontrados 136,3 gramas de maconha em 81 papelotes.

A própria assessoria do 10º BPM corrigiu uma informação dada anteriormente pela polícia: na verdade, nenhuma droga foi encontrada nas roupas íntimas da suspeita, que foi encaminhada para a 88ª Delegacia de Polícia Civil de Barra do Piraí.

Na mesma tarde, outra denúncia de que uma mulher havia enterrado mais drogas em um bambuzal na Colômbia, no Areal, foi checada e confirmada pelos policiais. Foram 87 papelotes de cocaína, um total de 49,3 gramas, encontrados pelos agentes. Ninguém foi preso nessa operação.

drogasnoarealdenovo

Fotos: Divulgação 10º BPM

A Polícia Rodoviária Federal executou duas prisões após operação de fiscalização realizada neste domingo (14), na BR-393, a Rodovia Lúcio Meira, em Barra do Piraí. Em Dorândia, no km 268, um homem de 20 anos foi preso após abordagem da PRF: ele estava sem CNH e foragido da justiça por atraso de pensão alimentícia. Já no km 275, outro foi flagrado com documento falso, após sua carreta ter sido abordada.

O primeiro caso aconteceu durante a tarde. O condutor de um Fiat Stilo, com placa de Rio Bonito/RJ, de 20 anos, foi flagrado sem Carteira Nacional de Habilitação, durante a operação. Após consulta ao sistema de dados de pessoa física, os agentes constataram que o suspeito estava foragido da justiça pelo não pagamento de pensão alimentícia. Contra ele havia dois mandados em aberto.

Ainda por cima, o condutor também não apresentou o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) que estava com os dados do motor adulterado e aparentava não ser o original.

O motorista foi preso em flagrante e conduzido para a 88ª Delegacia de Polícia Civil Barra do Piraí, onde ficará a disposição da justiça.

Já o segundo suspeito foi preso no fim da manhã deste domingo. Ele também foi encaminhado para a 88ª DP após ter sido flagrado com uma CNH falsa. O motorista, de 44 anos, conduzia uma carreta com placa de Carandaí/MG e entregou o documento aos policiais rodoviários, que observaram indícios de falsificação.

Após consulta ao Detran, foi confirmado que sua carteira apresentada era falsa e que ele, na verdade, estava com documentos vencidos desde 2017. O suspeito confessou ter pagado R$ 800 para adquirir a documentação falsa em Campo Grande/RJ.

Foto: Divulgação PRF

Rua Ana Nery, 120 - 9º andar
Centro, Barra do Piraí - RJ
CEP 27123-150
Tel.: (24) 2443-1470 (AM)
(24) 2443-1098 (FM)

Boletim Eletrônico

Cadastre-se e fique sabendo da nossa programação em primeira mão!